S&P melhora rating da Brasil Telecom


A Standard & Poor’s Ratings Services alterou ontem, de estável para positiva, a perspectiva dos ratings de crédito corporativo atribuídos na Escala Nacional Brasil à Brasil Telecom S.A. (BrT) e à sua controladora Brasil Telecom Participações S.A. (BrT Par), aqui denominadas conjuntamente “Brasil Telecom”. Os ratings de emissor ‘brAA+’ atribuídos à Brasil Telecom também foram …

A Standard & Poor’s Ratings Services alterou ontem, de estável para positiva, a perspectiva dos ratings de crédito corporativo atribuídos na Escala Nacional Brasil à Brasil Telecom S.A. (BrT) e à sua controladora Brasil Telecom Participações S.A. (BrT Par), aqui denominadas conjuntamente “Brasil Telecom”. Os ratings de emissor ‘brAA+’ atribuídos à Brasil Telecom também foram reafirmados.

A alteração da perspectiva reflete a aquisição do controle da BrT Part pela Telemar Norte Leste S.A. (Telemar: BB+/Positiva/–) e os avanços que as empresas fizeram desde então para integrar suas operações. Dessa forma, a nossa percepção é que a Telemar já participa ativamente da gestão da Brasil Telecom, promovendo a centralização de áreas e desenvolvendo estratégias comuns às duas empresas. O avanço deste processo tende a se acelerar nos próximos meses, o que deve culminar com a unificação de sistemas e ganhos de sinergia.

Os ratings da Brasil Telecom refletem a integração de suas operações com as da Telemar, a posição de mercado favorável da empresa dentro de sua área de concessão para serviços de telefonia fixa e comunicação de dados, além do seu sólido perfil financeiro, com forte geração de caixa livre e um perfil de endividamento alongado e pouco alavancado. Esses aspectos positivos são parcialmente compensados pelo fato de a empresa operar em um mercado altamente competitivo, especialmente em segmentos como telefonia móvel e banda larga, que crescem a taxas mais elevadas que seu negócio tradicional e rentável de telefonia fixa; por estar sujeita às dinâmicas de renda e crescimento do País e de sua área de concessão; e por certos riscos regulatórios.

Acreditamos que o perfil de negócios da Brasil Telecom se fortalece com sua integração a outra grande empresa do setor no país, conferindo maior diversidade geográfica, ganhos de escala e flexibilidade financeira mais forte. A Brasil Telecom também representa um ativo estratégico à Telemar, principalmente no competitivo segmento de telefonia móvel, porque amplia sua área de cobertura e lhe proporciona melhor posição para competir com os demais players que atuam no país. ( Fonte: empresa)

Anterior Helio Costa quer a punição à TV Cultura
Próximos Cade cobra agilidade da Anatel na instrução do processo da Oi/BrT