São Paulo vai integrar sistemas de segurança e mobilidade


Com a participação da Polícia Militar, da Polícia Civil e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) foi lançado hoje, 30, o São Paulo Inteligente, um programa de segurança preventiva que tem por objetivo integrar toda a infraestrutura de segurança e mobilidade existente em regiões estratégicas da cidade de São Paulo. Capitaneado pela Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança – Abese, o programa começa pela região do Hospital das Clínicas, o maior complexo hospitalar da América Latina, localizado no bairro de Pinheiros, na capital paulista.

O papel da Abese, por meio de sua Comissão de Segurança Inteligente, será oferecer consultoria para a integração dos equipamentos já existentes na região e participar de um diagnóstico para avaliar que novos sistemas precisarão ser implantados para garantir a segurança primária da população. O objetivo é integrar as tecnologias de videomonitoramento, IOT, vigilância e as inteligências da PM, da Polícia Civil e da CET.

“O grande propósito da Comissão de Segurança Inteligente é o trabalho nos entornos dos grandes estabelecimentos, com objetivo de implantar tecnologias qualificadas para coleta de informações, que serão subsídio para os agentes da segurança pública no combate à violência. Com o alto número de pessoas que circulam diariamente no HC, seja para atendimentos de emergência, consultas, acompanhamento de parentes ou realização de exames, esse é o local ideal para o início do projeto São Paulo Inteligente”, afirma Selma Migliori, presidente da Abese.

Depois de atender a região do HC, o programa contemplará o entorno de shopping centers. O primeiro deles será o Shopping Eldorado. Hoje, no lançamento do projeto, foi inaugurada uma das câmeras do entorno do shopping integrada com os sistemas City Câmera, da Prefeitura de São Paulo, e o Detecta, da Polícia Militar. (Com Assessoria de Imprensa)

Anterior Anatel divulga balanço da fiscalização no 1º semestre
Próximos PIB cresce 0,2% no 2º trimestre sustentado por serviços