São Paulo lidera o ranking Motorola de cidade mais digital da América Latina


A cidade de São Paulo galgou o primeiro lugar de cidade mais digitalizada da América Latina, conforme pesquisa realizada pela Motorola entre 150 cidades da região. Este título foi conquistado na segunda etapa da pesquisa, que se iniciou em outubro de 2008. Disputavam a melhor colocação, nesta segunda etapa, 25 cidades, quando foi medido o …

A cidade de São Paulo galgou o primeiro lugar de cidade mais digitalizada da América Latina, conforme pesquisa realizada pela Motorola entre 150 cidades da região. Este título foi conquistado na segunda etapa da pesquisa, que se iniciou em outubro de 2008. Disputavam a melhor colocação, nesta segunda etapa, 25 cidades, quando foi medido o grau de digitalização na administração pública, indivíduos e empresas.

Segundo Cláudio Kimura, gerente de estratégia e desenvolvimento de negócios para América Latina da Motorola, São Paulo ganhou a maior pontuação nos três quesitos, com destaque para a digitalização da administração pública e inclusão digital.

Para apurar o grau de digitalização, foram analisados e classificados os websites das prefeituras. Estes foram analisados em 78 aspectos (46 indicadores) dos websites de cada uma das cidades (totalizando 1.950 levantamentos).  Também foi utilizado um software de usabilidade1 para finalizar a avaliação dos websites. Além disso, foram realizadas enquetes telefônicas com questionários semi-estruturados de 19 perguntas (45 indicadores) para cidadãos e 18 perguntas (35 indicadores) para empresas. O total de casos supera  6300 enquetes (cidadãos, empresas, administração pública).  O estudo de campo foi realizado entre junho e agosto de 2009.

Segundo Kimura, o ranking continuará a ser feito nos próximos anos, para que possam ser comparados os avanços na digitalização das cidades latino-americanas. O México ficou com o segundo e terceiro lugares, com as cidades de Chihuahua e Mérida.

Anterior SAP, Nokia e G&D criam joint venture contra pirataria
Próximos Google Voice ganha inovações