Samsung perde e Apple ganha mercado no último trimestre


No mundo foram vendidos 980 milhões de smartphones em 2013, um crescimento de 39% na comparação com o volume embarcado em 2012, apontou a firma de análise do mercado móvel, Juniper Research.
 

A Samsung vendeu 300 milhões de smartphones no ano, o que representa 30% do total e crescimento de 40% na comparação ano a ano. Apesar dos números impressionantes, no último trimestre, os embarques foram de 81 milhões de dispositivos – a primeira queda na comparação anual já registrada pela coreana. De outubro a dezembro, a Samsung também perdeu participação de mercado, apontou a Juniper Research.

Já a Apple – que recebeu uma série de críticas pela imprensa quando lançou os iPhones 5S e 5C – registrou mais um recorde de vendas de seus smartphones no quarto trimestre: 51 milhões foram embarcados. Tal volume representa um crescimento de 51% ano a ano e de 7% na comparação com os três meses diretamente anteriores. Ainda, a média de preço dos aparelhos vendidos, que estava em queda desde o quarto trimestre de 2011, voltou a subir no último trimestre. Em comparação com o período diretamente anterior, a melhora foi de 10%, para US$ 637. Mas as ações da companhia caíram 5% depois  que anunciou uma previsão de vendas menor para 2014.

As vendas de dispositivos Nokia caíram quase 30% no último trimestre de 2013. Mesmo a venda dos smartphones Lumia (com Windows Phone) tiveram declínio: de 8,8 milhões no 4T12 para 8,2 milhões no 4T13. No entanto, 30 milhões de aparelhos Lumia foram vendidos em 2013, em comparação com 13 milhões em 2012.

 

A LG registrou mais um trimestre recorde. As vendas no terceiro trimestre superaram as 13 milhões de unidades pela primeira vez, aumento de 50% em relação ao mesmo período de 2012. No entanto, embora a empresa tenha anunciado um lucro melhor `na comparação trimestre a trimestre devido à venda maior dos smartphones G2 e Nexus 5, o lucro diminuiu frente ao ano anterior devido a maiores despesas com marketing e com intensificação da concorrência de preço.

Enquanto vários outros fabricantes de smartphones, incluindo Lenovo, Huawei e ZTE, conseguiram melhorar a sua quota de mercado, na comparação com o ano anterior, eles ainda têm o desafio de competir contra marcas premium. A estimativa é que os três fornecedores, juntos, tenham vendido 40 milhões de dispositivos.

 

 

Anterior Novo plano para a internet nas escolas fica pronto em abril
Próximos Tentativas de fraude contra consumidor batem recorde em 2013. Telefonia lidera.