Samsung ganha primeiro contrato LTE na América do Sul com Telefónica Chile


A Samsung Eletronics foi selecionada pela Telefónica para prover equipamentos para sua rede LTE (4G) no Chile, o que representa o primeiro contrato da empresa com a operadora espanhola e também o primeiro na América do Sul. A fornecedora de equipamentos e soluções para rede afirmou que o contrato com a Telefónica “demonstra o crescente interesse das operadoras globais em suas tecnologias”.

Pelo acordo, a Samsung implantará as estações rádio base LTE, incluindo todos os sistemas associados, para cobrir 95% do país e em 16 das 20 cidades mais povoadas do país latino-americano. O lançamento das redes deve acontecer de 2013 para 2014.

A Samsung afirmou em nota que até dezembro havia fornecido 125 mil estações rádio bases para diversas companhias ao redor do mundo. Segundo pesquisa da ABI Research, a Samsung é uma das empresas que ganharam participação de mercado em redes móveis no quarto trimestre do ano de 2012, no mundo, juntamente com Ericsson – que tem demonstrado maior capacidade de ganhar clientes em redes LTE na América Latina – e Nokia Siemens Networks, que cresceram em cima da chinesa Huawei.

No Brasil, após o leilão da frequência de 2,5 GHz, muito se especulou sobre a retomada da companhia na área de redes de telecom, aproveitando o lançamento das redes LTE – a Samsung ficou de fora das redes 3G. Segundo fontes do mercado, a Samsung apresentou preços bastante agressivos para conseguir uma parte das redes prioritariamente nas mãos de Ericsson, Alcatel-Lucent, Huawei e Nokia Siemens Networks. Mas, até o momento, não obteve êxito. A conquista da conta da Telefónica Chile, no entanto, cria espectativas sobre a possibilidade da Samsung colocar o primeiro pé no Brasil. (Da redação)

Anterior Mais um pedido de CPI para investigar celulares é protocolado na Câmara
Próximos Telefônica Brasil anuncia troca de CFO