Rede de 3G da Telemig Celular está pronta. Serviços serão lançados em dezembro.


  A Telemig Celular dá um novo passo na telefonia celular brasileira com ativação de sua rede 3G. O lançamento do novo serviço de banda larga com velocidade de até 14,4 Mbps, com tecnologia WCDMA/HSPA (Wideband Code Division Multiple Access/High Speed Packet Access), em 850 megahertz (Mhz) aconteceu hoje, em Belo Horizonte, com a presença …

  A Telemig Celular dá um novo passo na telefonia celular brasileira com ativação de sua rede 3G. O lançamento do novo serviço de banda larga com velocidade de até 14,4 Mbps, com tecnologia WCDMA/HSPA (Wideband Code Division Multiple Access/High Speed Packet Access), em 850 megahertz (Mhz) aconteceu hoje, em Belo Horizonte, com a presença do ministro das Comunicações, Hélio Costa.
  
  Com a nova tecnologia, será possível fazer vídeo-chamadas (ligações telefônicas com transmissão de áudio e imagem em tempo real), além de acesso à internet para downloads de vídeos, músicas e outros arquivos com velocidade até 20 vezes mais rápida que a conexão atual. Segundo o presidente da Telemig, André Mastrobuono, essa tecnologia vai chegar em lugares onde a rede de cabos não alcança. “Vamos trazer boa parte da população para a tecnologia digital. A inclusão digital é quase uma conseqüência natural da entrada da 3G e a Telemig está fazendo isso de maneira pioneira”, destacou.
  
  Para prover o serviço de banda larga móvel na velocidade de até 14,4 Mbps, a operadora conta com a parceria da Ericsson que, além de implantar o HSPA, também fará a expansão e a modernização da rede da companhia. Segundo o vice-presidente da Ericsson, Eduardo Ricota, a empresa já implanou 50 redes semelhantes em todo o planeta. “A rede WCDMA pode alcançar mais gente e obter maior eficiência de custos, já que o core GSM é o mesmo do 3G e depende apenas de um upgrade no software”, informou.
  
  De acordo com Mastrobuono, neste trimestre a empresa começa os testes dos produtos e serviços. O executivo disse que o serviço será oferecido comercialmente a partir do Natal, em parte da região metropolitana de Belo Horizonte, e depois se estenderá para outros municípios. Mastrobuono disse também que o preço da banda larga para o usuário não está definido, mas que será competitivo com os praticados no mercado. 
   
  Vídeo-chamada
  
  Para demonstrar o caráter inovador da tecnologia, Hélio Costa e André Mastrobuono realizaram a primeira vídeo-chamada. A ligação foi feita da sede da Telemig para o condomínio Aphaville, situado na região metropolitana da capital mineira, à 45 Km de distância. Na ligação, o ministro falou com o diretor de engenharia da prestadora, Álvaro Peçanha. O teste foi 100% bem sucedido, tanto na parte de áudio, quanto de imagem.   Durante o lançamento, também foi confirmada a velocidade da nova tecnologia, em comparação com a linha discada e o ADSL.

Anterior Hélio Costa diz que venda da Telemig Celular é um alerta para o investidor brasileiro
Próximos Mercado considera justo preço de Telemig