Receita de jogos móveis pode superar US$ 4 bilhões em 2010


O faturamento com jogos das operadoras móveis na região Ásia/Pacífico totalizou US$ 1,56 bilhão, em 2005, relata estudo da In-Stat. Como esperado, Japão e Coréia do Sul foram os grandes responsáveis por essa receita, ao responder por cerca do total auferido. Mas os futuros motores de expansão do serviço estarão nos mercados móveis da China …

O faturamento com jogos das operadoras móveis na região Ásia/Pacífico totalizou US$ 1,56 bilhão, em 2005, relata estudo da In-Stat. Como esperado, Japão e Coréia do Sul foram os grandes responsáveis por essa receita, ao responder por cerca do total auferido. Mas os futuros motores de expansão do serviço estarão nos mercados móveis da China e Índia, em franco crescimento. Apesar desse potencial, pondera a consultoria, existem dificuldades no meio do caminho.

Pesquisa de utilização da In-Stat aponta baixa penetração de jogos móveis entre os assinantes da região estudada. Entre os problemas a serem resolvidos para mudar o quadro, a empresa aponta a fragmentação da indústria de jogos móveis, questões de compartilhamento de receitas, experiências frustrantes de usuários, competição entre os dispositivos dedicados a jogos móveis, pirataria.

De acordo com a pesquisa In-Stat, o faturamento gerado por jogos móveis na região pode chegar a US$ 4,4 bilhões em 2010; assinantes de serviços 3G gastam 70% a mais, por mês, em jogos, do que os da 2G. O trabalho mostra, ainda, que o interesse pelo serviço é baixo, já que mais da metade dos usuários dos serviços de segunda e terceira geração indicam que não pretendem utilizar o serviço nos próximos seis meses.

(Da Redação, com agências internacionais)

Anterior Mudar a remuneração de redes também é difícil nos EUA
Próximos Procon de SP autua Telefônica por danos ao consumidor