Receita da Google cresce 11% no segundo tri


A Google divulgou hoje, 16, o resultado financeiro para o segundo trimestre do ano, terminado em junho. A companhia registrou faturamento de US$ 17,7 bilhões, número 11% maior que o visto no mesmo período do ano passado. Não fosse o impacto da valorização do dólar no mundo, o crescimento teria sido de 18%. O lucro líquido ficou em US$ 3,93 bilhões, maior 17,3%.

No período, a gigante de tecnologia teve crescimento de 13% na receita com publicidade nos resultados das buscas, especialmente em dispositivos móveis. Entre abril e junho, faturou US$ 16 bilhões com publicidade, um crescimento também de 11%. O custo por clique, ou seja, quanto os anunciantes pagam a cada clique de usuários na rede da Google, caiu 11% no ano, e 4% em relação ao primeiro trimestre.

O custo de aquisição de tráfego, ou seja, quanto a empresa distribuiu a criadores de conteúdo que usam suas plataformas, cresceu 2,5%, atingindo US$ 3,37 bilhões. As despesas operacionais cresceram 36%, chegando a US$ 6,32 bilhões. No período, a companhia acelerou o ritmo de contratações, passando de 48,5 mil funcionários para 57,1 mil. Em compensação, reduziu os investimentos. O capex caiu 5%, ficando em US$ 2,5 bilhões no trimestre. O endividamento se manteve baixo, em US$ 5,22 bilhões em dívidas de curto e longo prazo. A empresa estima o valor total de ativos em mais de US$ 138 bilhões.

Anterior Padtec implementa sistema 100G nos EUA
Próximos FCC limita crédito a pequenas operadoras para leilões de espectro