Qualcomm vai devolver quase US$ 1 bi para a Blackberry


(Crédito: Shutterstock Gajus)
(Crédito: Shutterstock Gajus)

A Qualcomm terá de devolver US$ 940 milhões para a Blackberry. Ambas buscavam um acordo na Justiça devido a cobranças indevidas por parte da fabricante de chips entre 2010 e 2015. O valor será depositado integralmente em 31 de maio. O acordo de devolução foi fechado em 12 de abril, numa corte arbitral, mas só foi revelado agora que o montante foi finalmente definido.

A Blackberry deixou o mercado de smartphones neste ano. Os aparelhos com a marca da empresa passaram a ser feitos e comercializados pela TCL, mesma empresa responsável pelos aparelhos Alcatel. Apesar de não fazer mais dispositivos, a empresa mantém ações na Justiça questionando concorrentes no segmento. Tem, por exemplo, processos correndo contra Nokia, Avaya e Blu por violação de patentes.

Por sua vez, a Qualcomm segue em briga com a Apple, que também pede ressarcimento de US$ 1 bilhão, mas por uso indevido de patentes, e com o governo norte-americano, que a investiga por práticas anticoncorrenciais. A companhia é a maior fabricante de chips para smartphones do mundo. (Com agências internacionais)

Anterior Disputa por infraestrutura de banda larga vai parar no Cade
Próximos Nextel fica com menos obrigação no compartilhamento de faixa