Qualcomm pode receber multa milionária na Coreia do Sul


A fabricante de chips para dispositivos móveis Qualcomm está sendo investigada por práticas abusivas na Coreia do Sul. A empresa, estaria licenciando sua tecnologia a preços altos e estabelecendo condições injustas para uso das patentes essenciais, segundo oficiais da agência antitruste do país. Se comprovadas as acusações, a empresa poder ser multada em US$ 879 milhões. A multa seria a mais alta já aplicada no país.

Importante lembrar que a Coreia do Sul é o país de origem de algumas das maiores fabricantes de celular do mundo, como Samsung, a maior vendedora de aparelhos do planeta, e a LG, que está entra as cindo maiores. O regulador do país estaria apenas à espera da defesa da Qualcomm antes de concluir seu parecer. A intenção seria encerrar o caso até o final deste ano.

Não seria, ainda, a primeira vez que a fabricante de chips estaria na berlinda na Coreia do Sul. Em 2009, a empresa foi multada em pouco mais de US$ 200 milhões, também por práticas anticompetitivas. O país representou, segundo o jornal local The Korea Times, 16% da receita total da Qualcomm em 2015. (Com agências internacionais)

Anterior Telefônica e Huawei ampliam acordo de 5G
Próximos Mdic quer investimento da Lei de Informática em Economia Digital na Amazônia