Quadros vai mexer na estrutura da Anatel


imagem-reuniao-20161004 Juarez Quadros, assim que tomar posse como presidente da Anatel listou em sua conversa com os jornalistas duas prioridades. A primeira delas: fazer uma revisão na estrutura da agência. E explica: “A anatel tem quadro de pessoal altamente capaz, mas entendo que precisa de orientação.”

Para isso, pretende contar com o apoio do trabalho que já está sendo realizado pela consultoria contratada pela própria agência por intermédio da União Internacional de Telecomunicações.

Ele pretende  “mexer nas caixinhas das superintendências”.

  • “O que se nota é que elas são estanques. Elas têm que se intercomunicar e precisam de suporte. Suporte esse seja na área de tecnologia da informação, seja na área de orçamento. O orçamento é insuficiente. Espero que isso possa ser corrigido, para que a agência, então, esteja atenta. Para que ela consiga se antecipar aos fatos.

Juarez Quadros mostrou-se preocupado com o enforcement do TCU sobre a Anatel e entende que isso precisa ser revertido e, principalmente, com falta de recursos da agência, situação que espera reverter.

Para ele, a Anatel teve muitas dificuldades atualmente, principalmente no que se refere a questão orçamentária. Ele ressalvou a iniciativa de Rezende de abrir as reunião do conselho diretor, mas espera que não precise ter desvios de função – ou seja, ficar correndo atrás de recursos – em vez de ficar cuidando das atividades finalísticas da agência.

Anterior Comissão aprova por unanimidade Quadros para a Anatel
Próximos Google lança o Pixel, nova marca própria de smartphone

1 Comment

  1. João Valentão
    5 de outubro de 2016

    Quem conhece sabe que as decisões na Anatel são tomadas por um colegiado. Então, no máximo, o presidente vai propor uma mudança que será relatada por outro Conselheiro, já que presidente não relata matérias. Por sua vez, essa matéria será decidida pelo colegiado depois de passar por Consulta Pública e pela Procuradoria. Ou seja, não basta mandar…