Provedores regionais já são terceiro maior grupo de banda larga fixa


Os provedores regionais, juntos, tornaram-se oficialmente em novembro o terceiro principal fornecedor de banda larga fixa do país, ultrapassando a Oi. O conjunto dos ISPs acompanhados pela Anatel, que liberou hoje os dados, fecharam o mês com 6,18 milhões de acessos, após adicionarem 104 mil (+1,72%). Já a Oi tinha 6 milhões, 21,5 mil a menos que outubro (-0,35%).

A Claro manteve a liderança com 30,1% de participação (9.350.199 de clientes). Em segundo lugar ficou a Vivo, com 7.594.545 clientes, ou 24,45% do mercado. Os ISPs ficaram com 19,92%, e a Oi 19,56%.

Ao todo, o serviço de banda larga fixa tinha 31.058.064 assinantes em novembro. Na comparação com o mês anterior (outubro) houve aumento de 107.381 contratos (+0,35%). Mais uma vez, os dados da Anatel são publicados de forma incompleta. Para os número de novembro, a agência repetiu nas planilhas dados de Brisanet, TIM e Contato Internet, o que torna impreciso o tamanho do aumento da base e do uso de tecnologias, como FTTH.

PUBLICIDADE
Operadoras Soma de 2018-09 Soma de 2018-10 Soma de 2018-11 Expansão/Retração mensal
ALGAR (CTBC TELECOM) 571977 574464 575563 0,19%
BT 23276 23141 23067 -0,32%
CABO 111939 112819 112825 0,01%
DATORA 22 23 29 26,09%
OI 6140126 6095011 6073431 -0,35%
Outras 5984894 6081815 6186185 1,72%
PREFEITURA DE LONDRINA/COPEL 304188 306429 308858 0,79%
SKY/AT&T 365695 362474 359747 -0,75%
TELECOM AMERICAS 9279498 9320788 9350199 0,32%
TELECOM ITALIA 465826 473614 473614 0,00%
TELEFÔNICA 7598234 7600104 7594545 -0,07%
Total Geral 30845676 30950683 31058064 0,35%
Anterior Na trilha da banda larga
Próximos Marcos Pontes vai rever últimos atos de C&T e telecom do governo Temer