Provedores regionais de banda larga perdem assinantes em fevereiro


Planos com velocidades de acesso acima de 34 Mbps são os que mais atraem novos clientes, conforme dados divulgados hoje pela Anatel. Nos últimos 12 meses, os provedores regionais continuam a ser o grupo que mais adicionou clientes.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou nesta quarta-feira, 28, os números do mercado brasileiro de banda larga fixa em fevereiro. Os dados mostram que os provedores regionais (agrupados como “Outras”) perderam assinantes no mês. O segmento vinha apresentando crescimento consistente há pelo menos um ano. Quem capturou a maior fatia dos novos usuários foi a Copel/Sercomtel.

O conjunto dos provedores regionais desligou 32,5 mil acessos no mês, enquanto a Oi desligou 28,7 mil. A Copel/Sercomtel adicionou 30,5 mil usuários, e a Vivo, 19,4 mil. A Sky também desconectou acessos, enquanto Algar e TIM,cresceram. Confira os números abaixo:

  2018 Variação
Grupo Janeiro Fevereiro Quantidade Porcentagem
ALGAR TELECOM 546.604 550.214 3.610 0,66%
BT 22.807 20.680 -2.127 -9,33%
CABO 111.431 111.662 231 0,21%
CLARO 8.953.835 9.005.485 51.650 0,58%
OI 6.282.053 6.253.295 -28.758 -0,46%
Outras 4.701.686 4.669.125 -32.561 -0,69%
SERCOMTEL 215.736 246.250 30.514 14,14%
SKY 364.570 359.248 -5.322 -1,46%
TIM 417.686 422.639 4.953 1,19%
VIVO 7.593.227 7.612.658 19.431 0,26%
Total 29.209.635 29.251.256 41.621 0,14%

 

De maneira geral, o mercado nacional de banda larga continuou a crescer. Somou 41,6 mil novas assinaturas, chegando a 29,25 milhões de acessos. Em relação a 2017, a expansão é ainda maior. Em fevereiro daquela ano, eram 26,9 milhões de clientes, 8,64% menos que agora. Em 12 meses, portante, a base aumentou em 2,3 milhões de acessos (veja abaixo).

  Fevereiro Variação
Grupo 2017 2018 Quantidade Porcentagem
ALGAR TELECOM 502.101 550.214 48.113 9,58%
BLUE (comprada pela Claro) 98.852 0 -98.852 -100,00%
BT 23.292 20.680 -2.612 -11,21%
CABO 100.671 111.662 10.991 10,92%
CLARO 8.446.631 9.005.485 558.854 6,62%
OI 6.429.835 6.253.319 -176.516 -2,75%
Outras 3.047.915 4.669.101 1.621.186 53,19%
SERCOMTEL 167.812 246.250 78.438 46,74%
SKY 314.084 359.248 45.164 14,38%
TIM 335.514 422.639 87.125 25,97%
VIVO 7.459.360 7.612.658 153.298 2,06%
Total 26.926.067 29.251.256 2.325.189 8,64%

 

Na comparação anual, quase todos os competidores do mercado cresceram. Exceto pela BT, que fornece para mercados corporativos, muito impactado pela crise econômica por que passou o país no período, e a Oi, que a atende regiões com populações mais sensíveis à queda da renda.

Em 12 meses, ninguém supera a adição dos provedores regionais, que se expandiram 53,19%, somando 1,6 milhão de novos assinantes. E se consolidando, em conjunto, como quarto grande grupo de provimento de internet banda larga no país.

Participação de mercado

Em termos de participação de mercado, Claro, Oi e Vivo, as três maiores, perderam fatia no período. Os provedores, por sua vez, foram os que mais cresceram. Alem deles, TIM, Sky e Algar ampliaram seus respectivos índices de market share (abaixo).

     
Grupo Share 2017 (%) Share 2018 (%)
ALGAR TELECOM 1,86 1,88
BLUE* 0,37 0,00
BT 0,09 0,07
CABO 0,37 0,38
CLARO 31,37 30,79
OI 23,88 21,38
Outras 11,32 15,96
SERCOMTEL 0,62 0,84
SKY 1,17 1,23
TIM 1,25 1,44
VIVO 27,70 26,03
Total 100 100

Tecnologias

Os dados mostram que o satélite foi a tecnologia, usada por mais de 100 mil assinantes, que mais cresceu entre janeiro e fevereiro. Em um ano, a base que usa a conexão espacial mais que dobrou de tamanho. Na casa dos milhões de usuários, a fibra óptica é a líder em expansão, ganhando nada menos que 1,26 milhão de acessos em 12 meses.

O xDSL, que usa o par de cobre da telefonia fixa tradicional para levar acesso à internet, foi a tecnologia que mais perdeu assinantes. Encolheu 2% em um ano.

Tecnologias fev/17 jan/18 fev/18 saldo mês variação mês saldo 12 meses variação 12 meses
ATM 195.051 187.542 186.723 -819 0% -8.328 -4%
Cable Modem 8.609.483 9.050.061 9.099.619 49.558 1% 490.136 6%
ETHERNET 430.234 706.932 730.680 23.748 3% 300.446 70%
Fibra 1.941.405 3.185.331 3.210.929 25.598 1% 1.269.524 65%
FWA 101.103 132.491 122.334 -10.157 -8% 21.231 21%
LTE 348.459 365.155 359.888 -5.267 -1% 11.429 3%
SATELITE 69.407 138.318 147.846 9.528 7% 78.439 113%
Spread Spectrum 1.867.944 2.291.856 2.253.574 -38.282 -2% 385.630 21%
xDSL 13.282.399 13.048.568 13.027.866 -20.702 0% -254.533 -2%

Altas velocidades

Conforme os dados da Anatel, os planos com velocidades acima de 34 mbps foram os que mais atraíram novos clientes em fevereiro e nos últimos 12 meses. Todas as operadoras passaram a oferecer pacotes com 50, 70 ou 100 Mbps, o que ajudou a impulsionar este fenômeno.

Entre janeiro e fevereiro, planos com acesso de mais de 34 Mbps ganharam 196,6 mil novos assinantes. A maioria no Sudeste e no Centro-Oeste. Planos até 512 Kbps, ganharam 14,4 mil assinantes, nas mesmas regiões. Todas as demais modalidades de assinatura identificadas pela agência perderam clientes em fevereiro.

Velocidades fev/17 jan/18 fev/18 saldo mês variação mês saldo 12 meses variação 12 meses
> 34Mbps 3.013.548 4.559.361 4.756.026 196.665 4,31% 1.742.478 57,82%
0kbps a 512kbps 846.261 868.149 882.590 14.441 1,66% 36.329 4,29%
12Mbps a 34Mbps 6.836.546 7.812.936 7.759.468 -53.468 -0,68% 922.922 13,50%
2Mbps a 12Mbps 9.575.564 10.072.565 10.049.525 -23.040 -0,23% 473.961 4,95%
512kbps a 2Mbps 6.654.148 5.896.624 5.803.647 -92.977 -1,58% -850.501 -12,78%
Anterior Kassab põe "a mão no fogo" em defesa do acordo Telebras ViaSat
Próximos Telebras diz que não foi "citada ou intimada" em ação sobre acordo com Viasat