Procon-SP notifica a Claro por falhas na rede


A Fundação Procon-SP notificou a Claro para prestar esclarecimentos sobre as falhas registradas desde o dia 8 deste mês na rede de telefonia móvel na região da Baixada Santista e Vale do Ribeira. A empresa terá que explicar os motivos das falhas, quais foram os serviços afetados, número de consumidores prejudicados e providências adotadas para a compensação dos usuários.

Se ficarem comprovadas irregularidades, a empresa poderá ser penalizada nos termos do Código de Defesa do Consumidor, inclusive autuada.

De acordo com o regulamento do serviço, a partir de 30 minutos de interrupção do serviço, o consumidor tem o direito ao abatimento proporcional do valor da assinatura (1 dia de interrupção = 1 dia de desconto). Se o problema atingir, no mínimo 10% da base de clientes, a operadora (de telefonia fixa ou móvel) deve fazer ampla divulgação sobre o ocorrido.(Da redação, com assessoria de imprensa)

Anterior Telebras levará o PNBL a Rondônia
Próximos India deve proibir compartilhamento de frequências