Presidente da GVT confirma fechamento de capital da empresa


O presidente da GVT, Amos Genish, confirmou hoje a realização da oferta pública na próxima terça-feira (27) na BM&F Bovespa, feita pela Vivendi, para a aquisição das ações que ainda estão circulando no mercado. A transação foi comunicada à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) em março, depois da aprovação pelos acionistas. De acordo com o …

O presidente da GVT, Amos Genish, confirmou hoje a realização da oferta pública na próxima terça-feira (27) na BM&F Bovespa, feita pela Vivendi, para a aquisição das ações que ainda estão circulando no mercado. A transação foi comunicada à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) em março, depois da aprovação pelos acionistas.

De acordo com o comunicado, a transação, que será intermediada pelo Banco Itaú, prevê a compra de 100% das ações emitidas pela GVT, pelo valor de R$ 56 cada, atualizado de acordo com a taxa Selic entre 13 de novembro de 2009 e a data de liquidação. Até agora a empresa francesa diz controlar 87% das ações, por meio de aquisições no mercado e do exercício de todas as opções de compra.

Sobre o lançamento de novos produtos resultantes da aquisição da GVT pela Vivendi, Genish disse que a pretensão é lançar em 2010 alguns conteúdos de videogames e de músicas online.

Anterior GVT prioriza banda larga e TV por assinatura
Próximos Decreto de Lula reativará Telebrás com poderes em internet e telefonia