Positivo tem lucro líquido de R$ 11,1 milhões no 2º tri


O Twist Max tem bateria grande

A Positivo Tecnologia encerrou o segundo trimestre de 2019 com lucro líquido de R$ 11,1 milhões, impulsionado principalmente pelos bons resultados nas vendas de celulares e servidores. O lucro líquido acumulado no primeiro semestre também foi favorável, encerrando o período em R$ 6,5 milhões.

Em consonância com o crescimento do mercado de celulares, as vendas desses aparelhos apresentaram excelente desempenho, com volume de 485,9 mil unidades, resultado 24,3% maior que no mesmo período de 2018. “Observamos a manutenção do movimento de arrefecimento da competição nesse mercado, especialmente no segmento de aparelhos de entrada. Com os bons números, o market share da Positivo Tecnologia no segmento atingiu 3,7%, crescimento de 1 p.p. em relação ao 2T18”, diz Norberto Maraschin Filho, vice-presidente de Negócios de Consumo da Positivo Tecnologia.

Já o volume de vendas de servidores aumentou 23,9%, chegando a 10.355 unidades vendidas. O resultado deve-se à atuação da empresa Accept, adquirida pela Positivo Tecnologia em dezembro de 2018. As vendas de computadores no segundo trimestre deste ano superaram 203 mil unidades. Em relação ao primeiro trimestre de 2019, as vendas de desktops e notebooks para empresas, instituições governamentais e consumidores finais apresentaram crescimento de 49,8%.

A Positivo Tecnologia mantém o forte controle do custo, com redução de 12,9% no segundo trimestre de 2019, resultado das iniciativas de controle e eficiência praticadas desde o final do ano passado.

Anterior Brics vão criar instituto de telecom
Próximos Projeto para a demanda de cada cliente no campo