Positivo lança laptop ultraportátil por R$ 999


A Positivo Informática lançou hoje sua nova linha de computadores, que inclui dois laptops da linha Mobo, com tela de 7 polegadas, 1,1 kg, e conectivadade à internet, por R$ 999. “Estamos inaugurando um segmento de mercado”, destacou hoje Helio Rotenberg, presidente da Positivo Informática, em coletiva de imprensa. Um dos laptops Mobo é voltado …

A Positivo Informática lançou hoje sua nova linha de computadores, que inclui dois laptops da linha Mobo, com tela de 7 polegadas, 1,1 kg, e conectivadade à internet, por R$ 999. “Estamos inaugurando um segmento de mercado”, destacou hoje Helio Rotenberg, presidente da Positivo Informática, em coletiva de imprensa. Um dos laptops Mobo é voltado ao público infantil, e tem plataforma baseada no ClassMate, computador de baixo custo desenvolvido pela Intel para estudantes de países em desenvolvimento. O executivo avalia que o produto é “mais voltado para as classes A e B, como um segundo computador portátil, o que reduz um pouco o mercado potencial, mas acreditamos que a procura será grande, e nos preparamos para uma demanda enorme”.

Apesar do lançamento, a Positivo não abandonará a produção do ClassMate, garantiu Rotenberg: “Não estamos abandonando nada, acreditamos muito no ClassMate, e estamos vendendo bastante para escolas públicas municipais e estaduais”. A Positivo ganhou a última licitação governamental para a compra de 150 mil computadores para estudantes de escolas públicas brasileiras, mas o certame foi cancelado após o governo considerar o preço apresentado acima da meta estabelecida. “Esperamos ganhar de novo a licitação do MEC com o ClassMate”, confirmou Rotenberg.  

Além dos laptops ultraportáteis, a Positivo lançou hoje sua nova linha de computadores de mesa e notebooks. A linha de computadores de mesa, voltada ao público C e D, ganhou o reforço do acesso ao portal “PC da Família”, que disponibiliza conteúdos educativos, informativos e culturais. Rotenberg disse hoje que 56% dos computadores vendidos pela Positivo são comprados pelo público C e D, “que costuma compartilhar a uso e o pagamento”, e por isso a linha tem valores entre R$ 999 e R$ 1,699, “que é a faixa que este público está disposto a pagar para ter um computador”. A linha de notebooks tem produtos que variam de R$ 1.599 a R$ 2,999, “mais focados no público de maior poder aquisitivo”, concluiu o executivo.

Anterior Banda larga à internet ultrapassa acesso por linha discada nos lares brasileiros
Próximos Programa do MinC incentiva produção de audiovisual no país