Portugal Telecom tem nova composição acionária


A participação acionária da Portugal Telecom ganhou novos contornos. Em comunicados à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários de Portugal enviados na segunda-feira, dia 30, a empresa informou que o Credit Suisse Group AG passou a deter menos de 2% da empresa e que a Brandes Investment Partners (BES) possui menos que 5%. Inversamente, a Capital Research and Management Company hoje detém mais que 5% dos direitos de voto correspondentes ao capital social da operadora.
As transações foram efetivadas na sexta-feira, dia 27 de agosto, mas só comunicadas ontem. Segundo o site português Económico, as iniciativas resultaram em um novo quadro acionário, onde a Caixa de Portugal detém 7,3% e a Ongoing, dona do próprio site, possui 6,77%. As duas organizações, de acordo com o site, lideram a estrutura acionária da PT. 

A operadora portuguesa tem tido importante papel no mercado brasileiro. Depois de um longo embate com a Telefonica, que se arrastou por cerca de cem dias, ao final de julho, a Portugal Telecom vendeu seus 50% de participação na Vivo e, numa operação casada, firmou um memorando de entendimento com os acionistas da Oi para a compra de 22,4% do capital da operadora brasileira. A aquisição deverá se concretizar no primeiro trimestre de 2011 e prevê um investimento de R$ 8,4 bilhões. (Da redação)

Anterior HSPA+ incrementa as redes 3G
Próximos Déficit da balança comercial de eletroeletrônicos aumenta 71%