Portugal Telecom ajuda seu governo a reduzir déficit fiscal


A Portugal Telecom firmou ontem acordo com o governo do primeiro-ministro, José Sócrates, para a transferência de 2,8 bilhões de euros do fundo de pensão de seus funcionários para os cofres do Tesouro português. Esse repasse de recursos será fundamental para o governo reduzir o seu déficit e atingir a meta acertada com a Comunidade Europeia, de não ultrapassar 7,3% do PIB. No ano passado, o déficit fiscal estava em 9,6% do PIB, o quarto maior dentre os países da União Europeia.

Há algum tempo Portugal e Espanha são listados pelos analistas europeus como os proximos países, depois de Grécia e Irlanda, a entrarem em default e precisarem de ajuda financeira da CE. Os dois governos negam porém este risco.
Para tranferir esses recursos ao Tesouro português a empresa passou a posição de 2,62% do BES (Banco do Espírito Santo) para a PT Prestações, conforme comunicado enviado à comissão de Valores Mobiliários daquele país.
( Fonte: agências internacionais)

Anterior Bilac Pinto vai avaliar fiscalização de capital estrangeiro na mídia
Próximos Telebrás contrata Intelig para prestar serviço de telefonia