PNBL: 793 municípios serão atendidos pela rede de Furnas


 

O Programa Nacional de Banda Larga, que será implementado pela Telebrás, utilizará os cabos da rede de Furnas para atender a 793 municípios nos estados de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Distrito Federal, informou hoje a estatal de energia. Além das linhas de transmissão, a rede da Telebrás utilizará as fibras de gasodutos da Petrobras para complementar a ligação. No total, Furnas disponibilizará 3,5 mil Km de cabos de fibras ópticas para a rede do PNBL.

Segundo Paulo Cesar Bernardini, gerente do Departamento de Engenharia de Telecomunicações de Furnas, o projeto é tratado como prioridade, pois, além da inclusão social com a expansão da banda larga, haverá uma redução e custos, “beneficiando unidades físicas de órgãos do governo com a nova tecnologia e barateando os gastos com aluguel de serviços das operadoras de telecomunicações”, explicou. 

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) homologou semana passada (dia 25) o contrato de cessão entre empresas estatais do setor elétrico e a Telebrás durante dez anos. Segundo Furnas, o objetivo da remuneração concedida é unicamente a manutenção da rede. Atualmente, sete subestações da empresa passam por obras para atender ao PNBL. São elas: Brasília Geral e Samambaia, no Distrito Federal; Pirineus, Bandeirantes e Itumbiara, em Goiás, Porto Colômbia e Mascarenhas de Moraes, em Minas Gerais. (Da redação, com assessoria de imprensa)

Anterior Tele.Síntese analíse 295
Próximos PGMU: Backhaul fica mesmo congelado. E Aice custará R$ 13,80.