PLC 79: Kassab diz que há resistência no Senado a ideias modernizantes


mctic-gilberto-kassab-ministro-cpqdDepois de afirmar que o setor de telecomunicações é o Brasil que deu certo, com políticas públicas que foram vitoriosas e que permitiram colocar o país bem próximo dos países desenvolvidos, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Telecomunicações, Gilberto Kassab, disse na abertura oficial do Painel Telebrasil 2018, hoje à noite em Brasília, que lamenta que alguns políticos sejam ainda resistentes a ideias modernizantes para o futuro. Ele se referiu explicitamente a aprovação do PLC 79, defendida pelo setor de telecom já na Carta de Brasília do ano passado e reiterada na mensagem deste ano.

O PLC 79 permite transformar as concessões de telefonia fixa em autorizações em troca de investimentos em banda larga fixa. No último ano, como lembrou o ministro, a tramitação do PLC 79 no Senado caminhou muito pouco, apesar dos esforços do próprio governo. “Temos que respeitar a independência do Legislativo”, disse o ministro.

Ele saudou a iniciativa de transformar a Carta de 2018 em uma Carta aos Candidatos a Presidente dos diversos partidos e sugeriu à Telebrasil que promova um debate com os candidatos. “Apesar da agenda carregada dos candidatos, acho que não vão se furtar a discutir com um setor que representa 6% do PIB”, observou.

Anterior Setor de telecom apresenta propostas a presidenciáveis
Próximos Instalação de antenas: MCTIC sugere criar ranking para estimular prefeituras