Advertisement

O governo está avançando rapidamente na definição da Sociedade de Propósito Específico (SPE) que será constituída para a construção e lançamento  do satélite de comunicações brasileiro. A pressa tem razão de ser, já que o satélite deve estar no espaço sideral em 2014, e a presidente Dilma Rousseff não abriu mão de também neste primeiro lançamento o Brasil já se apropriar de novas tecnologias.
Para dar o start a essa grande empreitada, foi criado um grupo de trabalho  formado por representantes da Telebras, da Agência Espacial Brasileira (AEB), Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e Ministério da Defesa. E, conforme fontes do governo, já está decidido que um dos sócios da Telebras nesta SPE será a empresa de aviação, Embraer.

MENU

Voltar