Planejamento quer egov chegando a 55% dos indivíduos no final deste ano


O ministro do Planejamento, Waldir Simão, aprovou hoje, a Estratégia de Governança Digital da Administração Pública Federal para o período 2016-2019, que será tocada pela secretaria de Tecnologia da Informação de seu ministério. E, como antecipou o secretário Cristiano Heckert ao Tele.Síntese, foram estabelecidas metas ambiciosas para toda a administração pública federal.

Entre elas:

-Proporção de Indivíduos que utilizaram serviços de eGOV nos últimos 12 meses deve chegar a 55% no final deste ano e a 70% em 2019.

– Os serviços e a infraestrutura tecnológica devem ser compartilhados entre os órgãos e entidades de forma a reduzir custos e desperdícios e evitar esforços desnecessários e perda de dados e informações, 15% este ano e 45% em 2019.

– Proporção de órgãos que possuem processo administrativo digital. 50% este ano. 100% em 2018.

 A Portaria nº 68, publicada no Diário Oficial da União, orientará o trabalho dos 224 órgãos integrantes do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP) até 2019.
“Em nossa vida pessoal, não fazemos nada sem as ferramentas de TI e também é assim nas organizações públicas. A nossa meta é que o cidadão, pelo celular, entre nos portais do governo e resolva todas as suas necessidades de forma prática e rápida sem precisar ir presencialmente a uma agência”, exemplifica o secretário de Tecnologia da Informação do MP, Cristiano Heckert.
A principal tarefa da STI com os órgãos, neste primeiro semestre, será a identificar quais serviços governamentais podem ser migrados para o mundo digital. Todas as informações coletadas serão disponibilizadas no Portal de Serviços Governamentais. (com assessoria de imprensa).
Anterior App VoIP que remunera usuários cresce no país
Próximos Pronatec: 2 milhões de matrículas em 2016 e MECFlix