Planalto recomenda ajustes no edital de 2,5 GHz


Planalto, Ministério da Fazenda e Casa Civil recomendaram alterações nos editais de licitação das faixas de 2,5 GHz e 450 MHz, que estão na pauta desta semana do conselho diretor da Anatel. Segundo o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, que expôs nesta segunda-feira (16) no Planalto os principais pontos das propostas em debates, foram feitas mais elogios que críticas às matérias, mas questões relativas à exigência de conteúdo nacional e prazo para cobertura serão ajustadas.

Bernardo disse que a tentativa em realizar os leilões  separados e, caso não haja interessados na frequência de 450 MHz, vender atrelada com a de 2,5 GHz, continuará. Também admitiu que o processo se inicie até o final de abril, mas pode ser concluído em maio, por exemplo. “Esse prazo a presidente Dilma Rousseff considera razoável”, disse o ministro.

PUBLICIDADE
Anterior Oi lança oferta do PNBL em mais 150 cidades em janeiro
Próximos Brasil fecha 2011 com 242,2 milhões de celulares