Parlamento europeu quer mais transparência em tratado sobre propriedade intelectual


O Parlamento europeu aprovou esta semana, por 633 votos favoráveis, uma resolução determinando que os governos o informem das negociações internacionais sobre o tratado de ACTA (Anticounterfeiting Trade Agreement). O legislativo está preocupado com a pouca informação existente sobre as negociações que estão sendo feitas pelos Estados Unidos, União Europeia, Japão, Coréia do Sul e …

O Parlamento europeu aprovou esta semana, por 633 votos favoráveis, uma resolução determinando que os governos o informem das negociações internacionais sobre o tratado de ACTA (Anticounterfeiting Trade Agreement). O legislativo está preocupado com a pouca informação existente sobre as negociações que estão sendo feitas pelos Estados Unidos, União Europeia, Japão, Coréia do Sul e Canadá, entre outros. Essas negociações começaram em 2007, e entre as propostas em debate está aquela que quer que seja criado um filtro ou uma punição administrativa para os sites que violarem a propriedade intelectual. (Da redação, com agências internacionais).

Anterior Siemens Enterprise e Polycom: parceria para crescer no país.
Próximos Dedic inaugura novo site e dobra capacidade de atendimento