Para manter o 2º lugar no mercado de celulares, LG promete ser mais agressiva.


Embora tenha conquistado o segundo lugar em participação no mercado de celulares brasileiro, a LG anunciou apenas o lançamento de dois novos modelos de smartphones  durante o Digital Experience, evento realizado hoje em São Paulo para lançar mais de 140 novos produtos de suas diversas linhas. Segundo o diretor da divisão Mobile Handset da LG, …

Embora tenha conquistado o segundo lugar em participação no mercado de celulares brasileiro, a LG anunciou apenas o lançamento de dois novos modelos de smartphones  durante o Digital Experience, evento realizado hoje em São Paulo para lançar mais de 140 novos produtos de suas diversas linhas. Segundo o diretor da divisão Mobile Handset da LG, Marcus Daniel, a fabricante quer manter, em 2010, a posição conquistada e para isso, além de novos produtos, terá uma estratégia de marketing mais agressiva, tanto com as operadoras quanto no varejo.

Com os dois lançamentos anunciados hoje a fabricante coreana passa a ter, em seu portfólio no país, cinco modelos de smartphones — dois com o sistema operacional Android, do Google, e três modelos com Windows Mobile, da Microsoft. Até o final do ano, a expectativa é de ter 10 modelos de smartphones no país.

Os dois novos modelos anunciados hoje são LG Smart GT540, com foco nas redes sociais (sistema Android); e o modelo LG Smart GN750, com sistema operacional Windows Mobile 6.5, display de 3 polegadas e câmera de 5.0 megapixels. A grande maioria dos modelos do portfólio 2010 da LG é voltada para o público jovem. Entre os novos produtos, a fabricante destacou a versão "Plus" do celular LG Cookie, modelo lançado no ano passado e que vendeu, mundialmente, mais de 10 milhões de unidades, segundo a empresa. O celular, full touchscreen, tem sistema de recebimento automático de mensagens de e-mail e cria, automaticamente, em sua tela principal, o "avatar" (personagem)  para conexão fácil com os contatos mais acessados pelo usuário. Em celular, outro destaque é a nova versão do LG Scarlet, que terá interatividade com a TV digital.

Modem

A LG continua idefinida em relação a produção de modem 3G no país. A empresa chegou a anunciar a produção, mas acabou adiando o projeto. "O mercado de modem é muito dinâmico e o preço acaba sendo um complicador", disse Marcus Daniel. Ele explicou que a empresa ensaiou a produção, e que teria vantagem na velocidade, mas não teria o retorno esperado em relação ao preço.

Anterior Minicom quer maior colaboração entre empresas de TICs brasileiras e japonesas
Próximos LG anuncia 140 novos produtos e quer faturar R$ 6 bi este ano no país