Operadoras investiram R$ 12 bilhões no primeiro semestre


As prestadoras de serviços de telecomunicações investiram R$ 12 bilhões no primeiro semestre deste ano. A maior parcela se destinou a expansão de infraestrutura, ampliação de cobertura e melhoria da qualidade dos serviços, segundo informações da Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil). Esses investimentos corresponderam a 4,7% da Formação Bruta do Capital Fixo e a 4,2% do PIB no período.

O montante vem em linha com o investimento feito no mesmo período do ano passado – R$ 12,3 bilhões. Para a entidade, “reflete a disposição do setor de telecomunicações em continuar apostando e acreditando no Brasil, mesmo diante de grandes desafios de ordem econômica, tributária e regulatória impostos hoje no país”.

Nos últimos 17 anos, o setor privado de telecomunicações investiu mais de R$ 390 bilhões, a preços correntes, incluindo o pagamento de outorgas. Em valores atualizados, seriam mais de meio trilhão de reais, afirma a entidade.

No primeiro semestre de 2015 o setor de telecomunicações produziu – Receita Operacional Bruta – R$ 118,6 bilhões, o que representa um crescimento de 1,8% em relação aos R$ 116,5 bilhões produzidos no primeiro semestre de 2014. Deste valor, a indústria faturou R$ 15,1 bilhões (2,0%); as prestadoras de STFC (Telefonia Fixa), R$ 19,8 bilhões (-3,2%); as de SCM (Banda Larga Fixa), R$ 15,7 bilhões (4,9%); as de SMP (Celular), R$ 51,1 bilhões (2,2%); as de SeAC (TV por Assinatura), R$ 15,4 bilhões (10,9%); e as de SME (Trunking), R$ 1,5 bilhão (-38,3%).

Anterior Sócia da Oi terá de esperar para cobrar dívida da Rioforte
Próximos Para Telebrasil, Estados agem contra política federal de Universalização de telecom