Oi reserva € 34 milhões à Pharol


Operadora brasileira depositou o montante em conta garantia do acionista português, como previsto em acordo firmado ainda em 2019, para pagamento de eventuais despesas da Pharol com o fisco resultantes da venda da Unitel

A Oi vai destinar ao menos € 34,34 milhões do valor recebido com a venda da Unitel para o acionista português Pharol. O valor foi depositado em conta garantia aberta em Portugal, e será usado “em caso de eventual condenação em contingências tributárias da responsabilidade da Oi”, informa Pharol, por meio de comunicado ao mercado.

O dinheiro foi reservado logo após a venda, por parte da Oi, da Unitel, ativo na África, à petroleira angolana Sonangol. A transação já movimentou US$ 760 milhões, e deve resultar na entrada de mais US$ 240 milhões na Africatel, empresa da qual a Oi tem 86% e que controlava a fatia detida na Unitel.

PUBLICIDADE

A transferência de valores para a Pharol já constava no acordo firmado entre a Oi o acionista ano passado e que encerrou os litígios entre ambos. O acordo previa o pagamento de € 25 milhões, entrega de 33,8 milhões de ações da Oi em tesouraria, e que a tele brasileira faria “depósito em conta garantia da Pharol para fazer frente a eventual condenação em contingências tributárias avaliadas como prováveis” com a venda da Unitel. (Com agências internacionais)

Anterior Samsung lança dois novos smartphones no país
Próximos TIM tem nova diretora nacional de vendas