Oi lança técnico virtual para cliente doméstico


 

José Claudio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi
José Claudio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi

Mais uma facilidade está sendo oferecida pela Oi, a partir de hoje, 3, para todos os seu clientes. Trata-se do Técnico Digital, um aplicativo que pode ser baixado das lojas de aplicativos ou dentro do Minha Oi, plataforma digital da empresa que já conta com 8 milhões de usuários. Com o Técnico Digital, o usuário poderá resolver uma série de problemas em seus serviços de telefonia fixa e banda larga fixa sem ter que recorrer ao call center, ganhando tempo e agilidade. A expectativa é de que um milhão de usuários estejam utilizando o novo app até o final do ano. Hoje são 150 mil clientes e 3 mil download/dia.

De acordo com José Claudio Moreira Gonçalves, o Naval, diretor de Operações da Oi, o Técnico Virtual é capaz de resolver 40% das demandas do cliente, o que contribui para melhor a sua experiência de uso do serviço. “As demais demandas são aquelas que exige a presença de m técnico na casa do cliente ou na rua, por um problema de rede interna, rompimento de fibra, defeito em uma caixa externa, etc.”, disse ele.

O lançamento do app, assim como o da Ativação Digital, solução adotada para os técnicos que atendem ao mercado corporativo e que reduziu o tempo de ativação de circuitos de duas horas para cinco minutos, fazem parte de uma série de ações da Oi para a digitalização da operação e dos serviços, iniciadas em 2014, dentro do Plano de Transformação da empresa. No caso da operação, tudo começou com o gerenciamento digital da força de trabalho, passando pelo gerenciamento online e automação dos alarmes até chegar nos equipamentos na casa do cliente, que será um dos próximos passos do processo de digitalização e já em desenvolvimento nos laboratórios da empresa.

Eficiência operacional

Para avançar na digitalização, hoje a Oi se apoia fortemente, em seu Centro de Gerência de Redes, instalado no Rio de Janeiro e com back up em Florianópolis, nos dados estatísticos e métricas suportados pelo Big Data. “Essas informações nos permitem conhecer melhor o que acontece na rede e estabelecer um programa de aumento das atividades de prevenção, que subiram de 250 mil para um milhão/ano”, explicou Naval. Ele reconhece, no entanto, que a Oi ainda não consegue fazer a manutenção preditiva. “Esta é a nossa meta.”

Ainda este ano, a Oi espera lançar o Técnico Virtual para o serviço de TV. Também estão no forno outras atividades de digitalização da operação, com o lançamento da fase dois do gerenciamento da força de trabalho, a expansão do Big Data com maior capacidade de análise dos dados, a visualização dos equipamentos na casa do cliente com recursos de IOT, entre outras.

Anterior Justiça do Trabalho homologa acordo firmado pelo WhatsApp
Próximos Com técnicos próprios, Oi ganha produtividade e qualidade na manutenção

2 Comments

  1. Avante Oi!

  2. Edu
    4 de Maio de 2017

    Precisamos dessa fibra ótica no cep:22713001
    Estrada do Guerenguê/ Jacarepaguá/ RJ