Oi lança serviço de DTH sem os canais Globosat


A Oi anunciou oficialmente hoje o lançamento de seu serviço de TV por assinatura via satélite (DTH), mas sem os canais Globosat. As duas empresas não chegaram a um acordo quanto ao preço a ser pago pela programação, mas as negociações continuam. "Temos negociações em andamento com a Globosat, que envolvem não apenas preço, mas …

A Oi anunciou oficialmente hoje o lançamento de seu serviço de TV por assinatura via satélite (DTH), mas sem os canais Globosat. As duas empresas não chegaram a um acordo quanto ao preço a ser pago pela programação, mas as negociações continuam. "Temos negociações em andamento com a Globosat, que envolvem não apenas preço, mas outras questões como empacotamento, a definição de que pacote pode ou não entrar, se os canais farão parte do pacote principal ou do premium, enfim, é uma negociação complexa", explicou ao Tele.Síntese o diretor de Novos Negócios e Estratégia da Oi, Pedro Ripper. Por outro lado, acrescentou, a Oi estabeleceu duas premissas para o lançamento do serviço, um pacote de entrada competitivo em preço e flexibilidade para compor a oferta de conteúdo de acordo com a escolha do usuário, modelo de negócio que tornou as discussões com alguns canais mais difíceis.

A empresa, que já oferece o serviço em Minas Gerais, anunciou o serviço OiTV , por enquanto, no Estado do Rio de Janeiro. Os planos, no entanto, são de ampliar a oferta gradativamente, para todos os estados. "Vamos amadurecer com o piloto no Rio e gradualmente vamos estender para as demais regiões do país. Muito breve anunciaremos o serviço para vários outros estados", comentou Ripper. "Nossa avaliação é de que esse mercado, hoje restrito a 6,5 milhões de assinantes, tem condições de dobrar em quatro a cinco anos, chegando a 13 milhões de usuários e nossa meta é ter uma participação relevante desses 13 milhões", informou o diretor.

Sem ponto extra

O cliente não pagará pela instalação e habilitação da OiTV e os equipamentos (decodificador e antena) para o ponto principal serão disponibilizados sem custo adicional para o cliente. A empresa não oferece a opção do ponto extra e aguarda melhor definição em relação a regulamentação da Anatel. Embora a cobrança pelo ponto extra esteja proibida, há brechas na regulamentação, o que tem levado empresas de TV por assinatura a cobrarem, por exemplo, pelo aluguel do decodificador para instalar o ponto extra. A questão está em discussão na Justiça.

Oferta agressiva

Para os clientes que contratarem o pacote principal da OiTV, com 26 canais, no primeiro mês do serviço, a empresa cobrará mensalidade de R$ 29,90 durante um ano (o preço normal é R$ 49,90). A operadora adotou uma estrutura modular de pacotes, sem a existência de planos intermediários. Assim, o usuário define os conteúdos que deseja adicionar ao pacote principal de acordo com seu perfil, sejam eles mais filmes, canal adulto ou outras opções de variedades e canais informativos. "Com o lançamento da OiTV via satélite queremos aumentar a abrangência e penetração do serviço, atendendo a um público mais amplo. Por isso construímos um pacote inicial que oferece mais por menos e ainda dá mais liberdade para os nossos clientes", explica Ripper. 

Pacotes

Para elaborar os pacotes, a companhia realizou pesquisas com consumidores para identificar os conteúdos audiovisuais mais relevantes e detectou que filmes, séries e esportes são as categorias mais importantes para os assinantes de TV por assinatura.

O pacote principal traz 26 canais: Animal Planet; Discovery Channel; The History Channel; Discovery Home and Health; National Geographic; ESPN Brasil; Woohoo; Esporte Interativo; TNT, FOX; FOX Life; FX; Sony; Space; Warner; Cartoon Network; Discovery Kids; Disney Channel; Nickelodeon; TV Rá-Tim-Bum; VH1; A&E; E! Entertainment; TruTV; Infinito, e Record News.

Por mais R$ 14,90 mensais os clientes contratam o pacote + Canais, com: Discovery Travel & Living; The Biography Channel; ESPN Internacional; Speed Channel; Hallmark Channel; TCM; AXN; BabyTV; Boomerang; Tooncast; Disney XD; Playhouse Disney; CNN em español; CNN International; FashionTV Brasil; People&Arts; Animax Pimenta. Há, também, a opção de se acrescentar o Sex Privê, por R$ 14,90 ao mês.

Os clientes que quiserem mais opções de filmes, shows e séries para complementar o pacote inicial, podem contratar os canais HBO, HBO2, HBO Plus por mais R$ 19,90 ao mês. E, por mais R$ 29,90, podem acrescentar ao pacote mais dez canais: HBO, HBO2, HBO Plus,HBO Plus-e, HBO Family, HBO Family-e, MaxPrime, MaxPrime-e,CineMax, CineMax2.

A OiTV traz os canais públicos NBR; TV Brasil; TV Câmara; TV Escola; TV Justiça e TV Senado, além dos canais abertos Rede Record; Rede TV! e TV Cultura (Globo e Bandeirantes não está disponíveis). (Da redação, com assessoria de imprensa)

Anterior Mercado de bluetooth vai encolher 4% este ano
Próximos Cesar Frantz reassume presidência da SupportComm