Oi e Vivo cobram mais por serviço móvel e por banda larga fixa, diz Anatel.


O preço médio do minuto cobrado pelas operadoras móveis no país em 2013 estava maior na Vivo e na Oi, em R$ 0,14, e o menor, na TIM, em R$ 0,10. Na Claro, o minuto médio chegou a custar R$ 0,12. Os preços consideraram as promoções e as ligações entre clientes da mesma operadora, mas não incluíam os impostos. Porém, os preços anunciados nas páginas das operadoras davam, em média, valores semelhantes a R$ 1,40, pois incluíam as chamadas entre operadoras diferentes,  sem as taxas.

Na banda larga fixa, o preço médio de 1Mbps em 2013, era maior na Oi (R$ 16,66) e na Vivo (R$ 13,35), valores bem acima dos cobrados pela GVT (R$ 2,08), NET (R$ 4,07) e Sercomtel (R$ 4,89). Para o cálculo do valor médio mensal de 1 Mbps, a Anatel considerou o número de usuários por faixa de velocidade, a velocidade média oferecida pela empresa e a receita total da prestadora com o serviço.

Os dados fazem parte do Relatório Anual da Anatel de 2013, que está disponível desde esta sexta-feira (6) no site da agência. Os números apresentam também a evolução da TV por assinatura, de 11,3% no período, elevando o número de usuários para 18 milhões.

PUBLICIDADE
Anterior Governos de diversos países quebram o sigilo das comunicações, acusa Vodafone
Próximos Rio passa a ter a maior rede acadêmica de telecom da América Latina