Oi assina acordo de US$ 1,2 bilhão com banco chinẽs


Como previsto, a Oi assinou nesta sexta-feira (18/12) um acordo de financiamento de longo prazo com o China Development Bank (CDB) no valor de US$ 1,2 bilhão. Metade do valor da nova linha de crédito será usada para refinanciar dívidas. Os outros 50% serão destinados à aquisição de tecnologia e equipamentos. A iniciativa é mais um movimento da companhia com foco na melhoria do seu perfil de endividamento e no aumento de sua produtividade, e já se refletiu no aumento do valor de suas ações nesta semana.

A compra de tecnologia e equipamentos prevista no acordo será feita por meio de uma parceria estratégica que a Oi assinou em novembro com a Huawei. O acordo com a fabricante chinesa de equipamentos prevê o uso de novas tecnologias de big data e inteligência de negócios visando ampliar a eficiência nas operações, o retorno sobre os investimentos de rede e a eficácia nas ações de marketing.

A parceria com a Huawei inclui ainda a modernização da rede móvel da Oi para a tecnologia Single RAN (Radio Access Network) nas redes 2G, 3G e 4G. O acordo também vai preparar a rede da Oi para a tecnologia 5G. O acordo foi assinado durante viagem do presidente da Oi, Bayard Gontijo, à China, onde o executivo também tratou do financiamento junto ao China Development Bank, acompanhado do diretor de Finanças e Relações com Investidores da Oi, Flávio Nicolay Guimarães. (com Assessoria de Imprensa

Anterior Lote C, do Leilão de frequência da Anatel, movimenta quase todo o Brasil
Próximos Leilão da Anatel: AT&T disputa 30 bandas e leva só quatro