Oi aposta em soluções de vigilância para cidades inteligentes


A Oi amplia o portfólio de soluções digitais para cidades inteligentes ao prover projetos especiais de vigilância para clientes do setor público e privado. A companhia tem desenvolvido plataformas com foco em segurança, eficiência operacional e redução de custos para as mais diversas cadeias de atuação das iniciativas públicas.

No Rio de Janeiro, ofereceu à Secretaria de Segurança Pública do Estado solução de monitoramento urbano através de vídeo vigilância com analytics, o que permite reconhecimento facial e leitura de placas para localizar pessoas e veículos suspeitos e identificar padrões de comportamento e situações de risco. O projeto funcionou no Carnaval e contou com 29 câmeras para monitoramento urbano com o software inteligente, instaladas no bairro de Copacabana. Os dados coletados ficam armazenados dentro do ambiente dos clientes e as operações dessas plataformas são feitas exclusivamente pelos órgãos públicos contratantes.

PUBLICIDADE

Além do Rio de Janeiro, as soluções integradas de vigilância da Oi também estão em operação nas cidades de Búzios e Niterói, e também nos estados de Pernambuco e Sergipe, entregando serviços de rede e conectividade, segurança cibernética, vídeo monitoramento, reconhecimento facial, IoT (internet of things), analytics e big data.

Projetos de vigilância da Oi em operação ou testadas recentemente:

Projeto de Reconhecimento Facial da Secretaria de Segurança Pública do RJ

Projeto usou solução de videomonitoramento com reconhecimento facial e leitura de placas de veículos, centro de monitoramento, conectividade, sistema de despacho, armazenamento de imagens em cloud, gerenciamento da solução e analytics. Foram 29 câmeras para monitoramento urbano com o software inteligente.

Projeto Reconhecimento Facial da Secretaria de Segurança da Pública do Município de Búzios

Projeto inclui solução de videomonitoramento com reconhecimento facial e leitura de placas de veículos, centro de monitoramento, conectividade, sistema de despacho, armazenamento de imagens em cloud, gerenciamento da solução e analytics. São 10 câmeras para monitoramento urbano com o software inteligente.

Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) de Niterói

Projeto inclui soluções de gestão de tecnologia da informação e comunicação, vídeo monitoramento e conectividade. Gestão de 327 câmeras de vídeo monitoramento.

Projeto 190/RJ

Projeto inclui soluções de tecnologia da informação e comunicação, rastreamento, georreferenciamento, conectividade, contact center e atendimento especializado. Geolocalização de 1.900 viaturas.

CIOSP de Sergipe

Projeto inclui soluções de atendimento especializado, georreferenciamento, gestão de frotas, conectividade, segurança cibernética, vídeo vigilância e sistema de despacho. São 459 viaturas monitoradas e 84 câmeras de vídeo vigilância.

Pernambuco Conectado

Projeto inclui soluções de videomonitoramento urbano e predial, centro de monitoramento, conectividade, armazenamento de imagens, gerenciamento da solução e analytics. São 380 câmeras para monitoramento urbano, 3 mil câmeras de monitoramento predial. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Acordo com EUA favorece uso do Centro Espacial de Alcântara
Próximos Mais uma lei estadual sobre telecom é contestada no STF