Oi abre o Oito para startups fora do seu programa de aceleração


A Oi está selecionando startups para ocupar posições de trabalho no Oito, seu hub de empreendedorismo e inovação no Rio de Janeiro, que já abriga seis empresas participantes do seu Programa de Aceleração. A operadora vai cobrar R$ 490 de aluguel para cada posição ocupada. As residentes, como serão chamadas as novas ocupantes, dividirão o mesmo ambiente de coworking onde trabalham as aceleradas e também poderão participar de parte dos eventos do Oito.

O prédio, localizado em Ipanema, conta com auditório com capacidade para 90 pessoas. Na área de coworking, 30 posições serão destinadas às residentes. A seleção vai priorizar projetos baseados em tecnologias como blockchain, inteligência artificial, IoT, 4G e 5G, cuja aplicação seja, preferencialmente, nas áreas de experiência do usuário, soluções de eficiência, produtividade, cidades inteligentes, fintechs, agronegócio, saúde e educação. Os interessados devem submeter propostas através de formulário disponível no site do Oito.

As startups que já atuam no Programa de Aceleração do Oito são de três estados (Rio de Janeiro, Paraná e São Paulo) e atuam em diferentes segmentos: cidades inteligentes, saúde, soluções de eficiência e produtividade e serviços educacionais. Como parte do Programa, as empresas têm apoio nas áreas gerencial, jurídica, financeira e de comunicação, além de receberem da Oi aporte de até R$ 150 mil para cada uma. A residentes não receberão aporte algum da operadora. (Com assessoria de imprensa)

Anterior TIM acrescenta degustação de redes sociais a plano Controle
Próximos STF suspende por mais uma semana julgamento sobre terceirização