Oficial da Aeronáutica é indicado para a presidência do Inpe, interinamente


Diálogo x Ataques

O ministro disse que o ex-diretor do Inpe Ricardo Galvão tornou a situação insustentável ao dar entrevista para rebater falas de Bolsonaro em vez de tentar resolver a crise por meio do diálogo. Galvão chamou o presidente de “pusilânime” e “covarde” após ser  acusado por Bolsonaro de estar “a serviço de alguma ONG”. A troca de ataques ocorreu após a divulgação de dados do instituto que mostraram aumento de 88% no desmatamento da Amazônia em junho em relação ao mesmo mês em 2018. Bolsonaro afirmou que os números eram “mentirosos”.

 

Anterior Conselho de Comunicação vai ouvir consultoria do Senado sobre PLC 79
Próximos Dataprev abre consulta pública para contratar solução de multibiometria