Nova licitação de espectro para celular beneficiará estradas


O presidente da Anatel, João Rezende, disse que a próxima licitação de espectro para telefonia móvel incluirá a obrigação de cobrir as principais estradas brasileiras com sinal de celular. “Agora nós completamos a licitação da 4G, que obriga a cobertura da zona rural e o próximo irá beneficiar as estradas, para reforçar a relação de melhoria constante da cobertura do país”, disse.

Rezende, que participou nesta terça-feira (7) de audiência pública na Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara, que discutiu a qualidade dos serviços da Nextel, disse que a cobertura das estradas ainda está em processo de discussão com o Ministério das Comunicações, mas espera que seja aplicada na licitação da faixa de 700 MHz, prevista para o próximo ano. “Essa faixa ainda está ocupada pela radiodifusão e precisa de algumas alterações para permitir sua destinação à tecnologia 4G”, disse.

A cobertura de sinal de celular nas estradas é uma preocupação dos parlamentares. A CCT da Câmara, inclusive, vai analisar projeto de lei nesse sentido na reunião desta quarta-feira (8).

Sobre o plano de melhoria das operadoras móveis, apresentados após a suspensão das vendas de chips imposta pela agência, Rezende disse que eles preveem um esforço concentrado na solução dos problemas que levaram à edição da medida cautelar. “As empresas têm que acelerar, antecipar investimentos e nós vamos acompanhar todo o processo para averiguar se os indicadores de qualidade estão aumentando”, disse.

Anterior NII Holding, da Nextel, tem prejuízo líquido de US$ 104 milhões
Próximos Aneel aprova especificação dos medidores eletrônicos