Nova fraude online desvia milhões de dólares de empresas


Um tipo diferente de fraude online, difícil de detectar, está ganhando corpo nos últimos tempos. A falcatrua é realizada por keyloggers simples e semi prontos, conhecidos como Predator Pain e Limitless, usados para atacar e-mails corporativos, de acordo com a Trend Micro – líder em segurança na era da nuvem. A escala desta fraude é significativa – o Bureau de Crimes Comerciais da Polícia de Hong Kong estima que este tipo de fraude já arrecadou cerca de US$75 milhões  no primeiro semestre deste ano, somente em Hong Kong.

O Predator Pain e o Limitless são relativamente simples keyloggers. Eles, indiscriminadamente, roubam credenciais na internet de clientes de e-mail, bem como capturam as teclas digitadas e imagens da tela. O resultado é legível para humanos, o que é positivo no gerenciamento de apenas algumas máquinas infectadas, mas não é escalável quando há um grande número de máquinas infectadas e registros envolvidos.

Esta simplicidade esconde a astúcia dos operadores por trás destes keyloggers. Com a experiência de 419 golpes, os operadores dispõem do tempo e da determinação para atingir empresas, capturar contas de webmail, monitorar transações comerciais em curso, e, no momento certo, sequestrar a transação e redirecionar os pagamentos para contas que eles controlam. (assessoria de imprensa) 

PUBLICIDADE

 

 

Anterior FCC e T-Mobile fecham acordo para maior transparência
Próximos Senado adia votação de proposta que reduz ICMS sobre banda larga