Nova assembleia da Oi vai escolher empresa de avaliação de ações


A Telemar Norte Leste publicou hoje comunicado na CVM, convocando uma nova assembleia de acionistas para o dia 3 de novembro, para a escolha da empresa que vai fazer a avaliação econômica das ações da companhia. Esta avaliação deve ser feita para a determinação do valor de reembolso dos acionistas dissidentes da assembleia a ser convocada para deliberar sobre a incorporação de ações da Telemar Norte Leste pela Coari Participações S.A.

Conforme o comunicado, a nova assembleia é necessária uma vez que a instituição eleita anteriormente recusou o serviço, informando quenão poderia preparar o laudo conforme as exigências da lei das S.A, para efeitos de direito de recesso.

Em entrevista ao jornal Valor Econômico de ontem (16) o presidente da Oi, Francisco Valim, afirmou ser “fundamental” para a empresa a reestruturação acionária da Oi (quando todas as ações da Telemar serão incorporadas pela Brasil Telecom, para que somente as suas ações, rebatizadas de Oi S.A, sejam negociadas nas bolsas de valores).

O executivo defendeu os critérios adotados nas primeiras avaliações já apresentadas ao mercado – cujo valor está sendo calculado pela média do mercado – por serem eles consensuais em todo o mundo. O fundo Polo Capital, que tem mais de 10% das ações da BrT e da Telemar, e que votou contra as quatro propostas anteriores de reestruturação da operadora, conforme o jornal, deverá ser contrário também a esta proposta, por preferir a avaliação pelo conceito econômico da operadora. A disputa pode parar na CVM. ( Da redação)

Anterior Cliente Speedy pode comprar banda larga da Vivo com 50% de desconto em São Paulo
Próximos Investimento per capita em telecom é pequeno, denuncia presidente da Telcomp.