Nos EUA, FCC quer leilões simultâneos para licenças de 700 MHz


Ainda este mês, a FCC (Federal Communications Commission, órgão regulador das telecomunicações nos EUA) tentará vender novamente suas licenças de 700 Mhz para a formação de uma rede pública nacional de segurança. O leilão original, no qual ao vencedor seria obrigado a construir uma rede e a dar livre acesso para serviços de comunicação de …

Ainda este mês, a FCC (Federal Communications Commission, órgão regulador das telecomunicações nos EUA) tentará vender novamente suas licenças de 700 Mhz para a formação de uma rede pública nacional de segurança. O leilão original, no qual ao vencedor seria obrigado a construir uma rede e a dar livre acesso para serviços de comunicação de emergência, não teve nenhuma oferta próxima ao US$ 1,3 bilhão propostos como preço mínimo pelo órgão. Agora, a FCC pretende fazer leilões simultâneos. O primeiro seria para o bloco D inteiro, com um preço mínimo de US$ 750 milhões, enquanto o segundo seria para 58 licenças regionais, usadas para LTE ou WiMAX móvel. Se os lances pelas licenças regionais superarem as ofertas pela licença nacional, haverá um segundo round, onde o espectro será alocado para LTE ou WiMAX baseado nas ofertas que oferecerem mais dinheiro ou cobertura. Mas a FCC destacou que o objetivo principal é colocar mais espectro no mercado, e não levantar mais dinheiro. (Da Redação, com noticiário internacional)

Anterior Convergys fecha a compra da Intervoice
Próximos Anatel desiste de regular descarte de bateria de celular