Nortel e Alcatel-Lucent: demissões em massa.


A fabricante canadense, que também anunciou a saída de seu diretor financeiro, Peter Currie, anunciou o corte na última semana, informando que cerca de 70% das demissões serão feitas ainda em 2007, as restantes no ano seguinte. A Nortel pretende trocar mil de seus funcionários de altos salários por pessoal de rendimentos mais baixos. Pelas …

A fabricante canadense, que também anunciou a saída de seu diretor financeiro, Peter Currie, anunciou o corte na última semana, informando que cerca de 70% das demissões serão feitas ainda em 2007, as restantes no ano seguinte. A Nortel pretende trocar mil de seus funcionários de altos salários por pessoal de rendimentos mais baixos. Pelas contas da companhia, feitos os cortes, economizará US$ 400 milhões por ano, metade dos quais ainda em 2007.

A imprensa francesa comenta que “os assalariados tinham razão quando se inquietaram com a fusão”, porque, agora, a empresa informa que vai fechar 12,5 mil postos de trabalho em três anos (2007-2009), número maior do que os 9 mil inicialmente anunciados. (Da Redação)

Anterior 3Com amplia receita em 81%
Próximos Ericsson terá ponto de acesso residencial