Nono dígito será implementado no Sul no domingo


Shutterstock/PureSolution
Shutterstock/PureSolution

A partir de domingo, 6 de novembro, os números dos celulares nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul terão mais um dígito. Deverá ser acrescentado o 9 antes do número telefônico para ligar para celulares dos DDDs 41, 42, 43, 44, 45 e 46 (PR); 47, 48 e 49 (SC); 51, 53, 54 e 55 (RS).

Segundo a Anatel, A medida tem entre seus objetivos “aumentar a disponibilidade de números na telefonia celular, dar continuidade ao processo de padronização da marcação das chamadas e garantir a disponibilidade de números para novas aplicações e serviços”. Ligações para telefones fixos não sofrerão alterações, permanecendo com oito dígitos.

O dígito 9 deverá ser acrescentado à esquerda dos atuais números, que passarão a ter o seguinte formato: 9xxxx-xxxx. As chamadas feitas com 8 dígitos e com 9 dígitos serão completadas normalmente de 6 de novembro de 2016 a 15 de novembro de 2016. As chamadas com 8 dígitos receberão mensagem sobre a mudança de 16 de novembro até 13 de fevereiro de 2017.

O nono dígito deverá ser acrescentado, no momento da discagem, por todos os usuários de telefone fixo e móvel que liguem para celulares nos estados mencionados, independentemente do local de origem da chamada.

O sul será a última região do país a receber o nono dígito, encerrando a implementação regulamentada pela Anatel que teve início em 2012. O Brasil registrou em agosto deste ano, 252.081.484 linhas de telefonia móvel. A região Sul registrou um total de 36.884.754 de linhas de celulares. Desse total, são 13.943.432 de linhas no Paraná, 14.650.250 de linhas no Rio Grande do Sul e 8.291.072 de linhas em Santa Catarina.

Aplicativos
Quem quiser mudar os números de suas agendas de smartphone automaticamente, pode recorrer aos aplicativos especializados. Tanto Embratel como Oi oferecem programinhas para acrescentar o número nome no devido lugar. Ambos os apps estão disponíveis para download nas lojas de Google e Apple, sob o nome Embratel 9º Dígito e Oi 9º Dígito.

Anterior Centurylink confirma aquisição da Level 3 por US$ 34 bilhões
Próximos Operadoras vão ao STF contra cadastro de comprador de celular pré-pago em SP