Nokia assume controle da Alcatel-Lucent


A fabrincante finlandesa ficará com 79% das ações da Alcatel-Lucent, com troca de ações no valor de € 15,6 bilhões. A nova empresa fica com maior porte para disputar com a Ericsson e a Huawei, os maiores no segmento de infraestrutura de telecom. A empresa continuará a ser comandada por Rajeev Suri, e na América Latina por Dimitri Diliani

A finlandesa Nokia informou hoje, 4,  que assumiu o controle da rival francesa Alcatel-Lucent após a oferta de € 15,6 bilhões em ações, com a união definitiva no próximo dia 14 de janeiro. Conforme a fiscal do mercado francês, a Nokia irá ficar com 79% das ações da Alcatel.

“Vamos agir rapidamente para combinar as duas empresas e executar nossos planos de integração”, disse o presidente-executivo da Nokia, Rajeev Suri, em comunicado.

A aquisição Alcatel levará a Nokia a ter uma posição mais forte para competir com a sueca Ericsson e a chinesa Huawei no mercado de equipamentos de rede de telecomunicações, cujo fraco crescimento e a dura concorrência estão pressionando os preços.

O negócio, anunciado no segundo semestre do ano passado, irá criar uma empresa com receitas de € 6,25 bilhões, um pouco atrás da Ericsson. Para o comando da nova empresa já foram anunciados os nomes de Rajeev Suri, que continuará como CEO e para a América Latina,  Dimitri Diliani, vice-presidente.

Anterior Especial: As expectativas do setor para 2016
Próximos Oi inaugura rede óptica de transporte de 100 Gbps