Naspers funde empresas de pagamentos online PayU e Bcash


shutterstock_ bannosuke_mobilepaymentO grupo sul-africano Naspers, dono das empresas PayU e Bcash, está fundindo as duas, e encerrando a marca Bcash. A nova empresa atuará em 16 países, com base de 10 milhões de consumidores registrados e 2,2 bilhões de transações feitas no mundo, mais de 250 opções de pagamento, 80 delas disponíveis na América Latina.

“O Brasil é o maior mercado da América Latina e o que apresenta o maior potencial de crescimento para a PayU na região. A fusão das duas plataformas gerará economia de escala que possibilitará o investimento necessário para o lançamento de diversos produtos e serviços exclusivos para o mercado brasileiro”, afirma José Vélez, CEO Latam do grupo. A empresa espera dobrar o faturamento na região nos próximos dois anos. No país, a PayU possui 40 mil lojistas cadastrados e 7 milhões de consumidores.

Durante a transição, a integração das plataformas tecnológicas será feita de forma gradual e transparente, sem impacto nas operações dos clientes, garantem as empresas. A empresa passará a oferecer a possibilidade de vendas no exterior por meio de moeda local em todos os países onde está presente.

“A Naspers, nossa controladora, sempre considerou a força que a marca Bcash carrega no Brasil, em especial pela proximidade que sempre existiu com outra de nossas marcas, o Buscapé. Durante 8 anos o Bcash foi o braço de pagamentos do maior site de pesquisa de preços do Brasil e isso não é pouco. No entanto, estamos determinados a criar uma marca global de pagamentos e, neste sentido, acreditamos que a junção das marcas fortalece esta visão”, explica Marcos Marins, CEO da PayU no Brasil. (Com assessoria de imprensa)

Anterior EUA vão aprofundar investigações sobre possível abuso do Google no mercado móvel
Próximos App brasileiro ganha prêmio em Harvard

1 Comment

  1. 23 de Maio de 2016

    Já foi umpouco “sacrificante” a transição de Pagamento Digital (que era um nome forte pra minha loja) para Bcash.

    Muito embora o PayU seja um nome global, bonito e de fácil aceitação, acho um tanto desrespeitoso eles ficarem trocando de nome de tempos em tempos.

    Resta torcer para que depois não inventem de trocar novamente, pois senão ficará difícil seguir com ele.