MiniCom e Minas e Energia terão grupo de trabalho para estudar uso de fibras ópticas


 

 

 

 

 

Os Ministérios de Minas e Energia e das Comunicações vão criar um Grupo de Trabalho para promover estudos do uso da rede de fibra ótica do sistema Eletrobras. O Grupo terá a participação de representantes dos Ministérios, Eletrobras e Telebrás.

A iniciativa foi aprovada pelos ministros Edison Lobão e Paulo Bernardo, e pelos presidentes da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, e da Telebrás, Caio Rodrigues.

A ideia da presidente Dilma Rousseff é de que as estatais que dispõem de redes de fibras ópticas concentrem a gestão desses ativos na Telebrás. O objetivo é garantir uma rede de superbanda larga até 2014 para as 12 cidades onde serão realizados jogos da Copa do Mundo. A velocidade pretendida mínima é de 100 Mbps, segundo informou Bernardo.(Da redação)

Anterior Samsung registra queda nos lucros apesar das vendas de smartphones
Próximos Tele.Síntese analíse 300