Minicom ajuda a definir rede de telecom para o Pan 2007


Técnicos do Ministério das Comunicações estão concluindo a modelagem da rede de telecomunicações que irá prover serviços de voz, dados e vídeo para o maior evento esportivo das Américas, os Jogos Pan-americanos de 2007, que acontecerão no Rio de Janeiro, entre os dias 13 e 29 de julho. O Minicom integra o grupo de trabalho …

Técnicos do Ministério das Comunicações estão concluindo a modelagem da rede de telecomunicações que irá prover serviços de voz, dados e vídeo para o maior evento esportivo das Américas, os Jogos Pan-americanos de 2007, que acontecerão no Rio de Janeiro, entre os dias 13 e 29 de julho. O Minicom integra o grupo de trabalho coordenado pelo Ministério dos Esportes, e composto também pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), governo estadual e prefeitura do Rio, e outros representantes do Executivo, e que está cuidando da organização da competição.

Segundo fonte do ministério, a meta é terminar a configuração da rede até o início de dezembro. Ainda não está fechado o volume total de banda que será contratado, mas já se sabe que o evento demandará, no mínimo, 10 mil terminais celulares e fixos. As competições serão realizadas em 15 pontos diferentes do Rio, e, por isso, 48 sites terão que estar conectados à rede de telecomunicações. Outra definição que precisa ser feita é de que forma e por quem os provedores dos serviços serão contratados, e se os custos serão divididos entre União, Estado, município e iniciativa privada. A Telemar, é uma das patrocinadoras oficiais do evento, e, certamente, contribuirá no fornecimento da infra-estrutura de telecomunicações.

Caso o poder público fique encarregado de fazer a contratação via licitação, precisa andar rápido, porque esse é um processo demorado, e o ideal, segundo  a fonte do Minicom, é que a rede comece a ser testada no início do ano que vem,  para estar ajustada em julho. Ao todo, os Jogos Pan-Americanos Rio 2007, demandarão R$ 2,7 bilhões de investimentos em infra-estrutura. São esperados 5,5 mil atletas de 42 países, que disputarão 28 modalidades esportivas. A competição também deverá atrair 3 mil profissionais de mídia e 1,4 milhão de turistas.

Anterior Telmex pode comprar operações da Millicom no Perú
Próximos Scartezini sai da Nortel