Minas Comunica começa na segunda quinzena de abril


O início de implementação do Minas Comunica, programa de universalização do acesso aos serviços de telecomunicações do governo do estado de Minas Gerais, depende da assinatura do contrato com as operadoras Oi, Telemig Celular e Claro, vencedoras da concorrência realizada na semana passada. De acordo com o coordenador do grupo estratégico de fomento, (responsável pelo …

O início de implementação do Minas Comunica, programa de universalização do acesso aos serviços de telecomunicações do governo do estado de Minas Gerais, depende da assinatura do contrato com as operadoras Oi, Telemig Celular e Claro, vencedoras da concorrência realizada na semana passada. De acordo com o coordenador do grupo estratégico de fomento, (responsável pelo Minas Comunica) Wilson Nélio Brumer, a assinatura dos contratos deve acontecer na primeira quinzena de abril. “O projeto começa imediatamente em seguida”, informou.

Com a oficialização, as três operadoras têm até outubro de 2008 para concluir os projetos. Segundo Brumer, até outubro, 10% das cidades já devem estar cobertas; até o final de janeiro de 2008, 35%; até abril de 2008, 65%; até julho de 2008, 85% .

A certificação do trabalho das operadoras caberá à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), mas deve ganhar um reforço. “Estamos programando a contratação, por licitação, de uma consultoria ou instituto especializado em telecomunicações para acompanhar a implementação do projeto, da obra à qualidade do serviço”, adiantou Brumer ao Tele.Síntese. A expectativa do coordenador é de que o edital se torne público assim que os contratos estiverem assinados.

Histórico 

O Programa de Universalização do Acesso aos Serviços de Telecomunicações do Estado de Minas Gerais, o Minas Comunica, é um projeto do governo estadual, cujo objetivo é levar cobertura de celulares para 100% dos municípios.

A Oi vai fornecer cobertura para 151 municípios das regiões Centro-Oeste e Leste (DDDs 33 e 37). As regiões Sul, Triângulo Mineiro e Norte, com 134 cidades, serão atendidas pela Telemig Celular. Já a Claro vai cobrir as regiões central e da Zona da Mata, envolvendo 127 cidades, Dos 853 municípios mineiros, 412 serão atendidos pelo programa, o que implica uma população de 2,5 milhões de habitantes.

No quadro geral da cobertura de telefonia móvel no Brasil, Minas está na 18ª posição, com 52% de municípios atendidos, índice abaixo da média nacional, de 59%. “Além da realidade econômica destas regiões, dois fatores que contribuem para esse índice são a topografia acidentada e o fato do estado ter o maior número de municípios do país”, explica Wilson Nélio Brumer.

Anterior CVM pode instaurar processo contra Telemar
Próximos Minicom: R$ 2,8 bi para levar banda larga a todo o Brasil.