Microsoft explica que atualizações deixam alguns PCs e servidores lentos


A Microsoft informou hoje, 9, em resposta à reclamação de clientes, que as atualizações lançadas para o Windows e os softwares que rodam sobre ele contra as falhas de segurança Meltdown e Specter tornaram mais lentos alguns computadores pessoais e servidores com processadores mais antigos da Intel. As atualizações de segurança, segundo comentário publicado no …

shutterstock_ Sam72_tecnologia_chipsetA Microsoft informou hoje, 9, em resposta à reclamação de clientes, que as atualizações lançadas para o Windows e os softwares que rodam sobre ele contra as falhas de segurança Meltdown e Specter tornaram mais lentos alguns computadores pessoais e servidores com processadores mais antigos da Intel. As atualizações de segurança, segundo comentário publicado no blog da empresa, também afetaram o desempenho de alguns computadores que executam chipsets AMD.

“Nós (e outros na indústria) descobrimos essa vulnerabilidade no âmbito do acordo de não divulgação há vários meses e, imediatamente, começamos a desenvolver mitigação do problema no que diz respeito à engenharia e à atualização de nossa infraestrutura de nuvem”, escreveu o executivo da Microsoft, Terry Myerson, em uma postagem de blog.

Pesquisadores de segurança revelaram, em 3 de janeiro, as falhas que afetaram quase todos os dispositivos digitais modernos que contêm chips da Intel, AMD e ARM Holdings. Meltdown e Specter são duas falhas de corrupção de memória que podem permitir que os hackers invadam sistemas operacionais e outros softwares de segurança para roubar senhas ou chaves de criptografia na maioria dos tipos de computadores, telefones e servidores baseados em nuvem. (Com noticiário internacional)

Anterior Lucro da Samsung passa de US$ 14 bilhões no 4º trimestre
Próximos Ascenty capta US$ 350 milhões para acelerar expansão na América Latina