Metade dos investimentos em redes móveis no mundo foi para LTE


O LTE já é a tecnologia que mais recebe investimentos do setor de telecomunicações, no mundo. No segundo trimestre deste ano, gerou uma receita de US$ 5,6 bilhões, 8% maior que no trimestre anterior. A maior demanda vem da China, cujas operadoras são responsáveis por 54% dos investimentos. Os dados são da empresa de pesquisa de mercado Infonetics Research.

“A escalada astronômica do LTE na China está ofuscando a implantação na Europa”, diz Stéphane Téral, analista para infraestrutura móvel da Infonetics. O investimento em LTE no mercado chinês foi de US$ 3 bilhões entre abril e junho, “o que faz da região a maior geradora de receita”, complementa. Os investimentos em TD-LTE, conduzidos pela China Telecom, são os mais volumosos. A operadora terminou o trimestre com 410 mil eNodeBs.

Globalmente, o mercado de redes 2G/3G/4G somou US$ 11,2 bilhões no trimestre, 11% maior que no mesmo período de 2013, 4% maior que o primeiro trimestre. 318 redes comerciais foram lançadas no mundo até 28 de julho. Com o crescimento, a Infonetics ampliou de US$ 43 bilhões para US$ 43,6 bilhões o volume de receitas com implementação de redes 2G/3G/4G. (Com assessoria de imprensa)

 

Anterior Alcatel-Lucent entrega rede óptica de 100 Gbps na Espanha
Próximos Empresa britânica inaugura rede no Brasil em outubro