MCT tem R$ 4 bilhões para investir em programas de pesquisa e tecnologia


O orçamento do Ministério de Ciência e Tecnologia deste ano para investir em programas da pasta é de R$ 4 bilhões. A informação foi divulgada hoje, pelo ministro Sérgio Rezende, durante coletiva à imprensa para apresentar o resultado da pesquisa nacional sobre a “Percepção Pública da C&T”. Rezende disse que o Ministério tem programas abrangentes, …

O orçamento do Ministério de Ciência e Tecnologia deste ano para investir em programas da pasta é de R$ 4 bilhões. A informação foi divulgada hoje, pelo ministro Sérgio Rezende, durante coletiva à imprensa para apresentar o resultado da pesquisa nacional sobre a “Percepção Pública da C&T”.

Rezende disse que o Ministério tem programas abrangentes, inclusive em parcerias com outros ministérios, como é o caso do Programa de Desenvolvimento da Educação (PDE), do MEC. Por conta do programa, o ministro adiantou que, nas próximas semanas, o MCT vai lançar edital, no valor de R$ 70 milhões, para projetos de desenvolvimento de conteúdos digitais na área de educação e ciência, que vão beneficiar, por exemplo, a educação a distância.

Na visão do MCT, a pesquisa serviu para detectar que a área de C&T deve ser estimulada e que a educação deve ser melhorada em todos os níveis, já que a última pesquisa foi realizada em 1987. A pesquisa também avaliou a cobertura dos meios de comunicação sobre o setor, constatando que a mídia ainda divulga pouco os assuntos relacionados com pesquisas científicas e inovações tecnológicas no Brasil.

Outro aspecto interessante da pesquisa diz respeito ao desinteresse e interesse em tecnologia. Neste caso, 37% responderam que têm pouco ou nenhum interesse em C&T, porque não entendem o assunto; 24% informarem que não têm tempo; 18% nunca pensaram sobre o tema; 14% não gostam; 9% não ligam; e 7% não precisam saber sobre o assunto. No campo de interesse, 36% informaram que informática e computação é a área mais procurada.

Segundo o MCT, o principal objetivo da pesquisa foi fazer um levantamento do interesse da população, para saber o grau de informação, atitudes, visões e conhecimentos que os brasileiros têm sobre a ciência e tecnologia. A pesquisa teve, como público-alvo, brasileiros com idade a partir de 16 anos, e foi realizada entre os dias 25 de novembro e 9 de dezembro de 2006. A amostra envolveu 2.004 entrevistas e conteve 24 questões.

A íntegra com os resultados da pesquisa já está disponível na página do MCT.

Anterior Nomeação de Bedran para o conselho da Anatel sai logo
Próximos Governo cria comissão de ministros para formular nova lei de comunicação de massa