MCT inaugura rede de educação e pesquisa em Natal


Será inaugurada hoje a Rede Metropolitana de Natal (Giganatal), infra-estrutura de fibras ópticas que possibilitará a troca rápida de dados entre os principais centros de ensino e pesquisa do país com a capital do Rio Grande do Norte. O evento de inauguração acontece esta manhã, a partir das 9h, no Auditório da Biblioteca Central da …

Será inaugurada hoje a Rede Metropolitana de Natal (Giganatal), infra-estrutura de fibras ópticas que possibilitará a troca rápida de dados entre os principais centros de ensino e pesquisa do país com a capital do Rio Grande do Norte. O evento de inauguração acontece esta manhã, a partir das 9h, no Auditório da Biblioteca Central da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), contando com a presença do Ministro da Ciência e Tecnologia, Sergio Rezende, e do reitor da UFRN, José Ivonildo do Rêgo.

A Giganatal é fruto do projeto Redes Comunitárias de Educação e Pesquisa (Redecomep), iniciativa do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) coordenada pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP). Redes semelhantes à de Natal já estão em operação em Belém, Manaus, Vitória, Florianópolis e no Distrito Federal. Até o fim de 2008, serão 27 redes ópticas metropolitanas em todo o país.

Com 47 km de extensão, a rede de Natal foi implantada pela RNP com cerca de R$ 870 mil de investimentos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). A Giganatal vai facilitar e ampliar a integração entre universidades e unidades de pesquisa, e instituições que participam da rede terão acesso mútuo à produção científica, podendo inclusive compartilhar projetos de educação a distância e interagir por meio de videoconferência. (Fonte: assessoria de imprensa, RNP)

Anterior BrT lucra R$ 248,3 milhões no primeiro trimestre
Próximos Telmex aposta no mercado residencial brasileiro.